Chapa 1 vence eleição do Sinttromar com 80% dos votos

Com 468 votos (80,27% do total), a Chapa 1 venceu a Eleição do Sindicato dos Motoristas Rodoviários de Maringá (Sinttromar). Com o resultado da apuração dos votos, realizada na noite desta quinta (20), o presidente Ronaldo José da Silva está reeleito para um novo mandato de cinco anos.

Apuração dos votos levou pouco mais de uma hora – Foto: Luiz Fernando Cardoso/Sinttromar

Denominada “Rodoviários na Luta – A Chapa do Trabalhador”, a Chapa 1 disputava o pleito contra a Chapa 2 – “Renovação”, do candidato a presidente Claudivam Leal, que obteve 109 votos (18,70%). Foram anotados ainda 2 votos brancos e 4 votos nulos que, juntos, somaram 1,03%.

Dos 885 trabalhadores associados e aptos a votar, 583 compareceram às urnas onde estavam inscritos, garantindo o quórum de 444 votos – referentes ao mínimo de 50% dos eleitores mais um voto, conforme previsto no artigo 41 do Estatuto Social do Sinttromar. A adesão pode ser considerada ótima, em vista da chuva, que não deu trégua durante os três dias de votação – iniciada na última terça (18).

Foram recebidos, ainda, 82 votos em separado (de pessoas não inscritas na urna). Como cada um desses votos precisaria ser analisado caso a caso, a Comissão Eleitoral propôs que os votos em separado só fossem considerados caso pudessem ser determinantes para o resultado, ou seja, caso a diferença entre as chapas na soma dos votos dos inscritos fosse igual ou inferior a 82. Ambas as chapas concordaram com a proposta da comissão.

Iniciada às 19h45, a contagem dos votos levou pouco mais de uma hora, com o membro da Comissão Eleitoral João Batista da Silva anunciando o resultado oficial da eleição e proclamando a Chapa 1 vencedora do pleito às 20h50. A apuração ocorreu na sede do sindicato, situado na Avenida Sophia Rasgulaeff, 367. Medidas de segurança, como o fornecimento de álcool em gel e o uso obrigatório de máscara foram respeitadas.

Para o presidente Ronaldo, a eleição, democrática, expressou a vontade dos trabalhadores e o reconhecimento da categoria em relação às lutas realizadas pela atual diretoria por avanços salariais e melhores condições de trabalho.

“Neste momento, acabam as chapas 1 e 2. Somos todos trabalhadores de uma mesma categoria”, disse Ronaldo, em seu discurso da vitória. “Isso [resultado da eleição] nos impulsiona a lutar ainda mais pelo direito dos nossos companheiros, neste momento difícil de crise e da covid que estamos passando”, acrescentou o presidente.

Vice-presidente eleito, Emerson Viana Silva agradeceu o apoio da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e de inúmeros sindicatos e a dedicação dos integrantes da Chapa 1. “Parabéns aos companheiros, que trabalharam diuturnamente e tiveram coragem de mostrar que têm um lado, e que esse lado é o do trabalhador”, disse Emerson.

O mandato da diretoria eleita inicia em 9 de outubro. A data da posse ainda será definida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + um =