Motoristas da TCCC e Cidade Verde aprovam ACT em assembleia

Quatro pautas apresentadas pelo Sinttromar foram aprovadas por unanimidade

Os trabalhadores das empresas TCCC (concessionária do transporte coletivo urbano) e Cidade Verde (transporte metropolitano) aprovaram, por unanimidade, a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). A decisão foi tomada na assembleia do último dia 22, em votações ocorridas em quatro horários.

Presidente Ronaldo na assembleia, que respeitou o distanciamento social – Foto: Emerson Viana Silva/Sinttromar

Realizada pelo Sindicato dos Motoristas Rodoviários de Maringá (Sinttromar), a assembleia deliberou sobre outras três pautas, igualmente aprovadas por unanimidade: Abertura nas negociações salariais; Garantia do pagamento da Participação dos Lucros e/ou Resultados (PLR); Melhorias nas condições de saúde e segurança da categoria.

Na proposta para o ACT, aprovado pela categoria, o Sinttromar cobra das concessionárias do transporte público a manutenção dos direitos adquiridos, como a jornada única nos sábados, domingos e feriados (conhecido como “uma pegada só”; o vale-alimentação e o ticket; cesta básica; além do PLR.

Crise

As empresas usam a crise causada pelo novo coronavírus (covid-19) para alegar que não há condições de manter esses benefícios. No entendimento do Sinttromar, TCCC e Cidade Verde querem que o trabalhador pague a conta da crise. Quando o assunto é lucro, porém, os empresários não querem dividir com a categoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − dois =